Transição Socialista

programa

11.10.2021 - Conjuntura Editoriais

Sobre o “polo socialista” convocado pelo PSTU

O PSTU lançou um manifesto por um “Polo Socialista”. A iniciativa parece importante, por se propor um “debate honesto e fraterno”. Todavia, já na primeira “plenária” se verificou que não haveria debate real. Trata-se de uma atividade de auto-promoção? Atividade para preparar atuação eleitoral?

30.06.2020 - Conjuntura Editoriais

O marco sanitário, a privatização e a “esquerda”

A aprovação do novo marco sanitário pelo Senado gerou polêmica na “esquerda” brasileira. A maioria repudiou, com discurso estatista-keynesiano. Mas o que Marx achava da dicotomia “público” versus “privado”? Não seria essa dicotomia mais uma expressão da miséria programática da “esquerda”?

31.08.2018 - Conjuntura Editoriais

Lula não! Estabilidade total nos empregos e salários!

Contra a farsa da candidatura de Lula, que simboliza a impunidade de todos os corruptos burgueses. Contra o desemprego e pela estabilidade total nos empregos e salários da classe trabalhadora brasileira!

24.08.2018 - Conjuntura Editoriais

Os dois eixos da candidatura

Chega de miséria, desemprego, exploração e corrupção! Vote contra os parasitas que sugam o povo trabalhador! Nem Lula nem Bolsonaro, vote nos candidatos da classe trabalhadora! Pela estabilidade total nos empregos e salários: vote Rafael Padial, deputado federal, 1617!

04.06.2018 - Conjuntura Editoriais

Lições da greve dos caminhoneiros (à luz de 2013)

A greve dos caminhoneiros comprovou que a luta por controle de preços é algo absolutamente irracional e fadado ao fracasso. A esquerda está na encruzilhada entre uma política pequeno-burguesa e uma política operária.

09.09.2000 - Textos Fundamentais

Sobre o desenvolvimento (dialético) do Programa

O Capital de Marx se desenvolveu a partir da estreita vinculação com a luta histórica da classe trabalhadora e, em certo sentido, constituiu-se como a expressão teórica da consciência de classe da classe trabalhadora.